Fique em dia com o Leão

Leão IR III

A partir desta segunda (2), os contribuintes podem começar a entregar sua declaração do Imposto de Renda junto à Receita Federal. O prazo se encerra no dia 30 de abril. São aproximadamente 27,5 milhões de pessoas que devem estar atentas a uma série de mudanças. “A tabela progressiva do IR foi reajustada em 4,5% e alguns limites sofreram alteração em relação ao ano passado”, afirma o contabilista e advogado Luiz Gustavo Zschaber Soares, da Contabilidade Soares. “Quem obteve rendimentos tributáveis acima de R$ 26.816,55 em 2014 está obrigado a fazer a declaração em 2015”, alerta.

Uma das mudanças que mais chama a atenção é a necessidade de que os dependentes com mais de 16 anos que constem na declaração do IR são obrigados a terem o CPF – Cadastro de Pessoas Físicas. A inscrição do CPF pode ser solicitada em entidades conveniadas e pela internet, desde que a pessoa possua título de eleitor. Também é possível pedir o documento em agências do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Correios, de segunda a sexta, mediante pagamento de uma taxa de R$ 5,70.

Na última sexta-feira (27/2) venceu o prazo para que as empresas entregassem a seus funcionários o comprovante de rendimentos – documento necessário para se fazer a declaração. Mas Luiz Gustavo Zschaber, da Contabilidade Soares fez uma lista de alguns documentos necessários para estar em dia com o Leão.

Check_mark.svg

Veja a lista:

 

  • Cópia e recibo da declaração de Imposto de Renda do ano anterior;
  • O informe de rendimentos que o contribuinte recebe da fonte pagadora;
  • Comprovantes de despesas médicas, com nome e CPF do profissional em caso de consulta particular, ou comprovante de pagamentos ao plano de saúde, no qual constem quais foram os gastos do titular e dos dependentes;
  • Comprovantes de despesas com educação do contribuinte e dos dependentes;
  • Comprovantes de distribuição de lucros (para empresários) e comprovante de aposentadoria (caso o contribuinte receba pelo INSS);
  • Informes de rendimentos e saldos bancários das instituições financeiras. Caso o banco não envie o informe é possível, de acordo com Luiz Zschaber, apresentar extratos das contas bancárias/aplicações financeiras/investimentos em 31 de dezembro 2014;
  • Documentos que comprovem tanto a venda quando a compra de bens patrimoniais, como imóveis e carros;
  • Relatórios de controle para quem realizou operações em Bolsa de Valores;
  • Comprovantes de pagamentos do Carnê-Leão, para profissionais que utilizam o programa;
  • Comprovantes de doações que podem ser deduzidas, como para leis de incentivo e entidades de apoio a crianças e adolescentes

Serviço

Logo - contabilidade Soares

Fundada em 1972, a Contabilidade Soares é especializada em gestão, administração e consultoria. Também tem profissionais com larga experiência em cuidar da declaração do Imposto de Renda de pessoas físicas, profissionais liberais e empresas.

Você pode tirar suas dúvidas através do e-mail luizdiretoria@contabilidadesoares.com.br

 

No Comments Yet.

Leave a comment